7.25.2012

Lançamento do catáloago da exposição "No Caminho sob as Estrelas - Santiago e a peregrinação a Compostela"

O dia de Santiago e do Município de Santiago do Cacém comemora-se hoje, quarta – feira, dia 25 de Julho e foi aproveitada este efeméride para o lançamento de uma obra em dois volumes sobre os Caminhos de Santiago.

O catálogo “No Caminho sob as Estrelas – Santiago e a Peregrinação a Compostela”, lançado pela Câmara Municipal e pela Diocese de Beja, constitui uma referência fundamental no panorama da bibliografia sobre o Caminho e o Culto de Santiago, incluindo o primeiro estudo sobre a sua irradiação no Baixo Alentejo e no Alentejo Litoral.

A cerimónia está agendada para o Auditório Municipal António Chainho, às 18h30 com a presença de várias personalidades convidadas, caso do Bispo de Beja, (D. António Vitalino Dantas), do Dr.º José Falcão, e da Drª.Isabel Cristina Ferreira Fernandes – Diretora do Gabinete de Estudos sobre a Ordem de Santiago (Câmara Municipal de Palmela).

O lançamento do catálogo é o corolário da exposição realizada em Santiago do Cacém em 2007, sob o alto patrocínio do Presidente da República, que contribuiu notavelmente para a dinamização do Caminho Português.

“No Caminho sob as Estrelas – Santiago e a Peregrinação a Compostela” é o título da obra que, que começou a ser preparada no seguimento da exposição, com o mesmo nome, inaugurada, em 2007, em Santiago do Cacém. O Lançamento da edição foi possível devido à contribuição financeira da Galp Energia.

A mostra em 2007 consistiu em cerca de 120 obras de arte, 80 das quais vindas do Tesouro da Catedral de Santiago de Compostela e de museus da região espanhola da Galiza. No dia da inauguração, a 11 de julho de 2007 foi celebrado igualmente o acordo de geminação entre Santiago do Cacém e Santiago de Compostela que foi que foi oficializado em maio de 2009.

Após a apresentação do catálogo, que o Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Vítor Proença, classifica como sendo uma “edição de elevado nível, com muitas imagens e textos de pessoas notáveis na área, nacionais e estrangeiras”, o Coral Harmonia vai presentear a assistência com a Missa Anima de Lorenz Maierhofer (1953) e com a peça “A Flerida em Cuja Mano” de Jorge Montemor (1520, 1561) do Cancioneiro Musical de Belém. O Coral Harmonia vai ainda interpretar a “Venid A Suspirar Al Verde Prado”- Anónimo do Século XVI.



13 comentários:

Anónimo disse...

Aproveito para felicitar o Prof. José António Falcão pelo bom trabalho que tem desenvolvido no concelho e por mais esta obra importante. E uma palavra para a cãmara municipal que sabe encostar-se bem ao trabalho de terceiros, e que neste caso nem um cêntimo contribuiu para a edição desta obra.

de cá disse...

São sempre os mesmos a fazer: ou o Arq. Lobo ou o Dr. Falcão.
E a Câmara a facturar com a boa vontade deles.

Anónimo disse...

Ora aqui estão duas personalidades do concelho que têm tudo para serem cabeças de lista nas próximas eleições num projecto político abrangente numa coligação PS/PSD. Tanto o Dr. Falcão como o Arqtº Lobo de Vasconcellos são gente da terra, competentes e com provas dadas, pessoas prestigiadas, conhecem bem o concelho e não tenho duvidas que um ou outro seriam excelentes presidentes de câmara e fariam um bom trabalho de recuperação do concelho para uma nova era.

Anónimo disse...

Deus queira que o PPD/PSD e o Partido Socialista de Santiago leiam o comentário das 9.27 e tratem de arranjar uma coligação para nos livrarem de uma vez por todas destes empregados mediocres do Partido Comunista.

Anónimo disse...

Venha essa aliança do ps com o psd para acabar com o reinado comunista de quase 40 anos, quase tanto quanto o Salazar esteve no poder, mas esse morreu teso ao passe que os comunistas que têm passado pela câmara municipal estão todos ricos, vivem em casas de luxo e têm bons automóveis. Os quase 40 anos de comunismo na câmara de Santiago têm sido bons mas só para os comunistas e amigos.

Anónimo disse...

E mais um concerto em santo andré para festejar o dia do municipio no dia 28, e o resto das freguesias a ver passar a procissão. Dia do Município festeja-se em santiago ou em santo andré, o resto do concelho só conta para pagar impostos.

Anónimo disse...

É com bastante tristeza que vejo que faltando pouco mais de um ano para as eleições autárquicas não se vê trabalho nenhum das comissões politicas concelhias do concelho de Santiago Cacém.

Anónimo disse...

Esta publicidade a estas duas personagens santiaguenses...parecem ser sempre da mesma pessoa.
Seria bom saber a opinião deles!!!

Anónimo disse...

Mais uma vez "o rei vai nu". Inaugurado com pompa e circunstância há meia dúzia de dias, o parque para autocaravanas de Santiago do Cacém, fechou para obras.
Sem mais comentários.

Anónimo disse...

E onde pode ser adquirido o dito catálogo?

Anónimo disse...

Atenção comissões politicas concelhias do PSD e do PS, é necessário uma lista de coligação para derrotar a CDU e iniciar um ciclo novo no concelho de Santiago que já foi um dos melhores concelhos do país e está a fazer a travessia do deserto e cada vez mais endividado por está gestão mediocre e incompetente da CDU.

Anónimo disse...

Tanta propaganda com o parque de caravanas e eis que uns meses depois é encerrado para obras!!!! Mais uma obra de merda de uma câmara administrada por um bando de incompetentes, autênticos cepos inchados de vaidade e arrogância.

Marta Silva disse...

José António Falcão a presidente da câmara sendo o candidato único de ps, psd e cds/pp seria a melhor solução para o concelho de santiago cacém.