5.06.2009

Feira do Ambiente em Sines

Chamamos a atenção para esta iniciativa, promovida pela Câmara Municipal de Sines, que cada vez mais faz sentido no tempos que correm e nesta nossa região.
Pena que não se dê o enfoque á relação Ambiente/Turismo!
Aqui fica a sugestão para a próxima edição.
Igualmente chamamos a tenção para o sessão temática sobre Ambiente,no âmbito da revisão do PDM de Santiago do Cacém, no proximo dia 12 de Maio na casa do Povo de Alvalade: http://www.cm-santiagocacem.pt/Actualidade/Agenda/Paginas/DestaquePDM.aspx


"Feira de Ambiente 2009

Integrada no Plano de Educação Ambiental 2008/2009, a Câmara Municipal de Sines organiza, entre 5 e 10 de Maio, no Centro de Artes de Sines, a segunda edição da Feira de Ambiente. O objectivo do evento é consciencializar os cidadãos para os principais problemas ambientais que se colocam actualmente. Estão previstos dois workshops, a realizar nos dias 5 e 6 de Maio, subordinados aos temas “Ambiente, Saúde e Território” e “Ambiente, Reciclagem e Energia”. Paralelamente, existirá uma área com cerca de vinte expositores onde vão estar representadas empresas/entidades ligadas à área de ambiente, que irão mostrar as suas iniciativas e estratégias neste âmbito.Apesar de o evento ser de interesse transversal a toda a população, define-se como públicos-alvo preferenciais os adultos em idade activa e os jovens em idade escolar, tendo em conta o seu interesse no tema e a especial capacidade de incorporação de novos hábitos e comportamentos. A Feira de Ambiente está aberta, nos dias úteis, nos períodos 10h00-13h00 e 14h00-20h00. Aos fins-de-semana, pode ser visitada entre as 14h00 e as 20h00.Poderá fazer a sua inscrição para os workshops através do numero de telefone 269860000 ou por e-mail para
esilva@mun-sines.pt.
Expositores já confirmados
- Recipneu
- Lavoisier
- Valormed
- Sociedade Ponto Verde - Amb3e
- Blindesign
- Quercus
- Sadilar
- Regi, EIM
- Matrec- Remade
- Valorsines
- Sines Tecnopolo
- Tecmic
- BPM Gás/Bosh"

2 comentários:

Anónimo disse...

Reuniões, estudos, blá, blá, mas nada disso parece dependerem os mega-projectos turisticos que se estão a construir no litoral alentejano. Acho que este tipo de reuniões, inicitivas é só para dar a entender às populações que estão preocupados com o ambiente. Só fumo para os nossos olhos, porque o que vemos é betão e mais betão a crescer. Reuniões pra quê? Vão mas é dar banho ao cão!

Anónimo disse...

É muito pertinente a questão levantada. Porque não debater a temática "Ambiente/Turismo"? Faria todo o sentido, especialmente em Sines onde há muito o ambiente anda de costas voltadas para o turismo. Talvez seja assunto que não interesse debater. Mas todos percebemos as razões.