5.09.2008

Enquanto uns equipamentos culturais abrem...outros caem...

O telhado do cine- teatro de Ermidas Sado ruiu a semana passada, fazendo desaparecer um dos edifícios mais emblemáticos da freguesia e do concelho de Santiago do Cacém.
A aquisição e o projecto para a posterior recuperação do cine- teatro estava em cima da mesa à cerca de dez anos, nunca chegando a acordo a CM de Santiago do Cacém e o proprietário, o que impediu a concretização do projecto.
O presidente da Junta de Freguesia de Ermidas Sado, Alberto Brito (PS) está desapontado com os intervenientes de todo o processo e descontente com o desfecho.
Apesar de todo o recheio do cine- teatro ter sido retirado, o presidente da junta não deixa de lamentar a degradação a que o edifício chegou e o facto de ter acontecido isto.
Quanto à população, Alberto Brito diz estar resignada com a situação, mas triste.

23 comentários:

Anónimo disse...

Penso que não existe igualdade de tratamento entre os habitantes dos maiores centros urbanos do concelho e as aldeias. Digam-me em que freguesia pequena foram feitas grandes obras na cultura? É obvio que há filhos e enteados e eu não duvidas nenhumas disso. Portanto caiu o teatro de ermidas e onde houverem mais vão continuar a cair aos bocados porque a câmara assim deixa acontecer de proposito.

ermidense disse...

Somos uma freguesia socialista se não a cãmara já tinha arranjado o cine-teatro. É uma tristeza mas é o que sinto.

Anónimo disse...

Esta é claramente uma questão politica. Não tem a ver com falta de dinheiro da câmara porque a câmara tem dinheiro para tudo e mais alguma coisa, só não tem vontade politica para resolver esta questão. Quem diz esta diz outras e basta ir aos programas eleitorais para ver as diferenças entre as promessas e as obras. Quando há eleições prometem-se mundos e fundos, depois quando se apanham no poleirinho a musica muda de tom. É pena que o cine-teatro de ermidas tenham chegado a este ponto.

Anónimo disse...

Lamentavel que se deixe cair de podre um edificio importante da historia de ermidas do sado e do concelho enquanto se gastam milhões no parque do chafariz e em concertos todos os anos

NV disse...

Uma coisa pelo menos devia ter sido feita, o telhado devia ter sido reparado, era o mínimo!
Não é pedir muito?

Silva disse...

se bem percebo o cine-teatro de ermidas-sado não é da cãmara, é de um particular que quer vender à cãmara mas não há acordo há vários anos. não faço ideia porque é que não há acordo nem se há negociações ainda ou se está tudo parado, mas penso que se houver realmente interesse isto já devia estar resolvido e não caia o telhado. agora sem telhado o resto vai em menos de um farelo

Anónimo disse...

Há certos programas que dá para apresentar projectos para estes edificios de cultura, mas acho que é só edificios que estão em sedes de concelho. É um bocado triste mas tenho que concordar com o anónimo que diz que entre as maiores freguesias e as pequenas nota-se grandes diferenças de tratamento em equipamentos recreativos, desportivos e culturais. Basta dar uma volta por todo o concelho e depois ir ver o que é que existe de equipamentos em freguesias como Santiago e Stº André.

Santiaguense disse...

Quanto custou o concerto com os Polo Norte ? E outros que tais ? Então não era melhor aplicar esse dinheiro na compra do cine-teatro de Ermidas e depois arranjá-lo, e mete-lo ao serviço da população? Que politica é esta em que andamos a fazer figura de ricos com concertos de vedetas da tv pagos a peso de ouro e ao mesmo tempo deixamos cair os nossos espaços culturais, monumentos, etc? Que politica é esta, meus senhores ?

João Santos disse...

O que se passa neste concelho de Santiago é muito simples de explicar.
Toda a gente critica a Câmara e diz mal das opções, mas em hora de eleições fala mais alto os interesses instalados e mesmo esses que criticam votam na CDU.
É a verdade e por isso é que a CDU ganha eleições desde 1975. Ninguém quer mudar e ñão me venham com conversas de que é preciso que o PS tenha um bom candidato porque se formos por ai e formos pensar em nomes nem sequer conseguimos indicar 1 que seja do agrado de 10% dos santiaguenses. Muito mais importante do que saber se o candidato é o Frade ou o Cascão é derrotar a CDU.
Mas depois também o PSD e os pequenos partidos dizem mal da CDU mas são eles que viabilizam as maiorias absolutas dos comunistas. Enquanto toda a gente que quer o bem do concelho não esquecer rivalidades ocas a CDU vai continuar a ganhar. Nem que o candidato às eleições fosse o Sócrates ou o Cavaco.

Anónimo disse...

Acho que o comentador João Santos tem todaa razao. É preciso pôr de parte as rivalidades entre partidos e tirar o pcp da câmara nem que para isso ps e psd concorram em aliança para a câmara.

Anónimo disse...

A CDU em Santiago Cacém governa sem oposição digna desse nome. Está nas suas sete quintas, e os outros partidos não se ouvem. Do PSD, ao CDS, passando pelo PS e pelo Bloco, estão todos praticamente mudos pelo que a CDU vai continuar a ganhar por vários anos.

Anónimo disse...

Tb acho que isto só lá vi se o ps fizer coligação com o psd porque sozinhos nem pensar conseguir tirá-los. Eles têm tudo na mão. Nós tamos aqui a ratear e o V. Proença anda em espanha a passear diz que vai fazer acordos com a galiza, com o dr. falcão, Caminhos de Santiago e mais não sei o quê pelo que é agora é que santiago vai internacionalizar-se, mas o telhado do cinema de ermidas está no chão e a câmara não quer largar o graveto.

Anónimo disse...

SENHOR JOÃO SANTOS NÃO CONCORDO CONSIGO. PARA MIM NÃO É IMPORTANTE DERROTAR A CDU SÓ POR DERROTAR MAS QUE VENHA ALGUÉM PARA A CÂMARA CAPAZ DE FAZER MAIS E MELHOR. NÃO TENHO ÓDIO À CDU PARA ISSO, PORQUE O IMPORTANTE É O CONCELHO E NÃO QUEM ESTÁ NA CÂMARA. A CDU TEM FEITO COISAS BOAS E COISAS ASSIM A ASSIM. E HAVIA COISAS QUE PODIA FAZER MAS NÃO FAZ. E SE FOR PARA LÁ ALGUM DESTES QUE TÊM ANDADO NAS ELEIÇÕES VAI-SE DAR O MESMO. PODEM AGRADAR A UNS MAS NÃO VÃO AGRADAR A TODOS PORQUE NUNCA NINGUÉM VAI CONSEGUIR ISSO. E DIGO-LHE AINDA QUE ESTOU MUITO PREOCUPADO PORQUE NÃO VEJO NENHUM CANDIDATO A APRESENTAR IDEIAS NOVAS, PROJECTOS, ETC, ONDE SE VEJA QUE PODEM SER DIFERENTES PARA MELHOR DO QUE A CDU TEM FEITO E ASSIM GANHAREM AS ELEIÇÕES NO ANO QUE VEM. TENHO PENA DE O DIZER MAS É O QUE VEJO, E NÃO ESTOU A VER QUE A CDU VÁ PERDER ENQUANTO TIVER ESTES CANDIDATOS DA TRETA DO PS, DO PSD E DO CDS.

João Santos disse...

Infelizmente a CDU também tem feito coisas muito más. Aliás, tem sido uma constante o fazerem mal feito e gastando balurdios ao longo dos tempos. Cabe na cabeça de alguém com juizo que se deixe cair o telhado do cinema de Ermidas e que exista dinheiro para esbanjar em concertos com Tony Carreira e outros do género? Só no ano das últimas autárquicas a câmara de Santiago gastou 30 mil contos em coisas dessas.
Tenho pena que os partidos da nossa terra tenham de seguir as ordens vindas de Lisboa e não metam de lado as rivalidades. Afinal o que distingue os partidos da oposição neste momento é muito menor do que aquilo que os afasta. A CDU é um partido não democrático que se rege por padrões importados da antiga URSS e que nunca viveu bem em democracia. Em Santiago têm sido muito inteligentes e acho que daqui a 30 anos ainda cá estão no poder.
Pelo que tenho visto existem muitos interesses mesmo de pessoas ligadas ao PSD que preferem a CDU ao PS. É muito triste que o ódio pelo PS seja superior ao interesse de desenvolvimento do concelho. Quando olho à volta e vejo que Odemira tem crescido e que já lá ninguém quer ouvir falar de CDU e que Grândola está à beira de um desenvolvimento enorme o que se pode achar disto tudo? Por cá deixamos cair o nosso património e prometemos centros culturais que demoram séculos a surgirem. Qualquer concelho minusculo tem um centro cultural com qualidade e nós nada. Só sabemos é gastar em concertos e nem nos artistas da terra investimos ou ajudamos. Os grupos que existem no concelho vão à câmara pedir colaboração e são tratados como mendigos a quem se dá uma gorjeta.
É obvio para qualquer um de nós que apenas o PS pode aspirar a vencer a CDU. Mandasse eu no PSD de Santiago e nem que fosse preciso desistir, não apresentar lista ou sei lá que mais, eu faria isso tudo para terminar com o sub-desenvolvimento em que vivemos. Para isso era preciso ter coragem e sempre é melhor ir vivendo com umas coligações como foi no mandato anterior ou não é?

Oscar disse...

Devia-se sim fazer uma lista com as pessoas mais capazes do concelho para uma lista independente que julgo que era o melhor porque em cada partido há gente que não interessa a ninguém nem tem capacidade nenhuma. Só assim acho que este concelho poderia entrar nos eixos porque estes tipos da cdu não dão mais do que se tem visto.

Anónimo disse...

Salazar dizia: quem não é por mim, é contra mim. Ermidas-Sado está a pagar a factura de ser a única freguesia de Santiago Cacém que não elege comunistas.
É tempo do PSD e PS de Santiago Cacém deixarem questunculas partidárias que naturalmente devem existir em termos nacionais, deixarem de olhar para o seu umbigo e tomarem o exemplo do vizinho do lado, Grândola, que desde que a CDU saiu da CM, aquela ainda, e bem,vila, deu um salto enorme. Assim de repente, 2 casos: Não há sede de concelho deste pais que não tenha uma circular à sua volta. Veja-se Santiago, que ainda não o conseguiu, com a agravante de sofrer o facto de estar perto de Sines de onde saem todos os dias camiões e camiões. Segundo, como é possível admitir aquele cemitério?
Perguntem aos turistas, nacionais e estrangeiros, o que eles pensam.

Anónimo disse...

Eu acho que o anónimo das 8:55 falou numa obra que penso devia ser abordada aqui no blog. A circular à cidade de Santiago tem sido, como tantos outros projectos, uma promessa eleitoral de há muitos anos. Penso que é uma obra prioritária nem que seja feita por fases podem ver uma imagem onde aparece o troço da circular num boletim da camara, com o p.u. de santiago, que saiu há pouco tempo.

Severa disse...

Só digo que acho bem que pelo concelho a fora haja uma rede de pequenos espaços culturais de acordo com a realidade de cada freguesia administrada em conjunto entre a cãmara e as associações locais porque o desenvolvimento cultural deve ser feito em pé de igualdade entre as cidades de Santiago do Cacém, Santo André e as restantes freguesias. A bem da igualdade de oportunidades não acho bem estarem-se a concentrar os principais equipamentos apenas nas cidades de Santiago e Santo André. Tem que haver tratamento igual, oportunidades iguais para todos os habitantes, e não estar-se a criar mais assimetrias.

escangalhado disse...

È de facto extraordinário como a Camara de Santiago do Cacém reagiu, perante a derrocada da bancada na Santiagro.
Bem pode agradecer a todos os Santos a sorte em ter ficado só por 59 feridos e nada de grave.
Agora, admitir que aquilo não estava licenciado e tratar do assunto com tanta displicencia e "não te importes" é que é grave .
Estavam com toda a certeza mais interessados em que tal acontecimento não estragasse a festa do dia seguinte com a inauguração e mais uma festa, comida e bebida, no nóvel mas absurdo, Parque da Cidade no largo do Barroso.

Anónimo disse...

De facto a gestão do acontecimento, que podia ter sido uma tragédia sem precedentes no concelho, foi deveras inacreditável. Desde o sr Rosado ao presidente, todos os depoimentos são reveladores da qualidade cada vez mais duvidosa dos nossos politicos que governam o concelho. Vitor Proença apresentou com pompa e circunstância o rodeo como algo nunca visto na região e um espectáculo que ia fazer as delicias dos visitantes da feira, e depois da bancada ter caido veio dizer que o espectáculo não estava licenciado pela câmara ???!!!!???!!!! Em má hora cairam em Santiago estes paraquedistas directamente para a câmara.

Anónimo disse...

A queda desta bancada veio reforçar a ideia de que deste executivo não se aproveita um só politico. Beijinha já sabiamos que era mau, Margarida nem para dirigir uma junta de freguesia servia, e Proença e Rosado não têm nada para dar ao concelho.
Com que então, o Sr Proença apregoou o rodeo aos setes ventos em tudo quanto é sitio como sendo um grande espectáculo nunca visto e agora vem dizer que a câmara não o tinha licenciado. DEMITA-SE

Anónimo disse...

Há pessoal comunista meu amigo que já pede o regresso de ramiro beja por não suportar a vaidade deste proença e companhia. Esta historia da bancada é uma anedota completa.

Anónimo disse...

Já chamam pelo Ramiro Beja ???? Ainda os hei-de ver pior